Calculadora de Custos de Inventário Extrajudicial – Rio de Janeiro – 2020

calculadora inventário

O Inventário Extrajudicial, sem dúvida, é o caminho mais rápido e mais efetivo de se resolver a partilha de bens.

Entretanto, saber o valor exato dos emolumentos sem previamente contratar um advogado é quase impossível.

Sobre o valor disposto na tabela do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro aplica-se, por exemplo, 20% ao Fundo Especial do Tribunal de Justiça (FETJ), 5% à Federação de Fundações e Associações do Rio de Janeiro (FUNPERJ), 5% Fundo Especial da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (FUNDPERJ), 4% ao Fundo de Apoio ao Registro Civil de Pessoas Naturais, 2% ao “RESSAG”, além, é claro, do ISS.

Por toda essa injustificada burocracia, sem sistema informatizado, sequer o tabelião é capaz de informar com precisão e celeridade o valor dos emolumentos devidos.

Com objetivo de facilitar, elaborei uma calculadora capaz de trazer o valor aproximado dos emolumentos devidos em caso de inventário extrajudicial.

Importante notar que o valor é APROXIMADO, pois o cálculo possui diversas variáveis como a quantidade de herdeiros e de bens, por exemplo.

A calculadora aqui elaborada possui a função de calcular apenas os emolumentos, considerando até 3 bens, sejam eles móveis ou imóveis.

Além dos emolumentos, lembrem-se que existem outras despesas para elaboração de um inventário extrajudicial, como os honorários advocatícios e, obviamente, o ITCMD (Imposto de transmissão causa mortis e doação), que poderá ser estimado na “Calculadora de ITCMD” (Clique Aqui).

Mas, afinal, quanto custa um inventário extrajudicial?

Para calcular os “custos” ou “emolumentos”, basta informar o valor de até 3 bens, conforme explicado abaixo:

_____________

Dúvidas sobre Inventário Extrajudicial?

Entre em contato através do formulário ou enviando um e-mail para contato@diegomaturo.com.br

Se preferir nos enviar uma mensagem pelo WhatsApp – clique aqui  

*O presente texto reflete exclusivamente a opinião e interpretação do autor, não possuindo qualquer efeito de consultoria. Consulte sempre seu advogado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *